[Resenha] Conviction – Club Destiny 1- Nicole Edwards

Genteeeeee… Abana que o livro “Conviction – Club Destiny 1” da Nicole Edwards, é quente! (E bota quente nisso!)

Já vou avisando, se você tem pudores e alguns tabus, não leia!!!
Você vai encontrar sexo m/f/m e também m/f/m/m … Buuuuuut, se você é como eu (Cacá) e gosta desse tipo de livro, vai fundo!!

CONVICTION_1427683833442595SK1427683833B

Sinopse:

Samantha Kielty achava que sabia quem ela era e do que ela era feita. Até que lhe ofereceram uma posição que iria levá-la de seu pequeno escritório em San Antonio, Texas, para a maior e mais sofisticado sede de sua empresa, em Dallas, Texas, Sam ainda não tinha visto nada. Seu novo chefe não era só intensamente sexy, ele também estava prestes a mostrar-lhe coisas que ela só tinha lido nos livros.
A vida de Logan McCoy era firme até que ele voltou suas atenções para a sua nova vice-presidente de operações de projeto. A mulher faz o seu sangue ferver e faz querer coisas que ele não tinha percebido que ele estava buscando. Logan só espera que Samantha seja capaz de lidar com seu jeito dominante e controlador… especialmente entre os lençóis, ou no chuveiro.
Quando Logan e Sam se juntam, as faíscas voam e trazem para fora um dos outros os mais profundos e obscuros desejos. Ele vai empurrar Sam além de seus limites sexuais, e ela vai trazer sua necessidade de possuí-la em todos os sentidos. Mas, eles podem encontrar o amor dentro do inferno que queima entre eles?
 
AVISO: Prepare-se para ficar com as calcinhas retorcidas kkkkkk
 
Nesse livro, a mocinha, Sam, não é aquela fofa, quieta e completamente inocente. Ela admite que não tem tanta experiência sexual, mas não é besta… Ela adora livros NA, lê sobre diferentes práticas sexuais, apenas, nunca as fez. Além disso, tem uma carreira bem sucedida, é totalmente independente e tem fobia de compromisso, seja uma relação amorosa ou até mesmo comprar uma casa, pois não consegue pensar em algo permanente e intensificou após ter uma desilusão amorosa, pois pegou seu namorado na cama (não foi bem na cama, mas…) com a melhor amiga.
Agora, falarei do lindo e gostoso Logan! Gente, pra mim, esse homem fica pareado com Christian Grey e Gideon Cross no quesito safadeza, ou até mesmo um pouco acima, pois consegue ser ambos em um só corpo rsrs… Com certeza, ele entrou no meu TOP 50 mocinhos/macho alfa. (Sei que 50 é um número alto, mas me deem um desconto, vai? Sou uma leitora compulsiva como vocês já sabem kkkkk).
Enfim, ele é completamente dominante, gosta estar no controle de tudo, comanda uma grande equipe na empresa, rico, tem um ceticismo quando se trata das mulheres, mas não é aquele passado traumático, sabe?!
“Samantha Kielty era, qual era a palavra que estava procurando? Quente? Não, isso soava muito imaturo. Mas, era o inferno de um adjetivo.”
“Logan sorriu um sorriso torto que quase me roubou o fôlego.”
Vamos ao enredo… Logan é, nada mais e nada menos, que o chefe da Sam! Ela trabalha na XTX em uma cidade no interior do Texas, mas recebe uma promoção que a leva a Dallas, onde vira vice presidente de operações de projeto. Ele faz uma entrevista via videoconferência com ela e mesmo  à distancia, eles se sentem atraídos um pelo outro e com a mudança dela e o contato do dia a dia, a faísca só aumenta, até o dia que ambos não resistem mais e sucumbem à paixão.
Logan é completamente dominante e quando Samantha se vê querendo se submeter sexualmente a ele, assusta o inferno fora dela, pois nunca imaginou ter esses instintos. Aos poucos e com certa dificuldade, ele faz com ela se aceite, que entenda que não é errado ter esses desejos, que se sinta confortável consigo mesma e essas novas experiências.
Voyeurismo e ménages fazem parte do relacionamento deles e muitas vezes, Sam acaba se fechando depois de alguns acontecimentos, pois se sente suja com essas práticas, mas Logan não permite esse distanciamento, não querendo dar tempo para que ela questione tudo e acabe com o que eles tem, seja lá o que for. Com decorrer do tempo, ele se vê completamente apaixonado por ela e não luta contra isso, ao contrário dela, que por mais que saiba que o ame, tende a fugir quando os fortes sentimentos a dominam.
“- E se eu lhe disser para perder o controle comigo?
– Você não sabe o que você está pedindo. – outro aviso dele” 
 Esse é um livro com um grande apelo sexual, que te mostra um mundo diferente, assim como os outros livros do mesmo estilo, mas o que diferenciou esse no meu ponto de vista, foi que não tem todo aquele drama, os protagonistas não tem um passado sombrio e por mais que ambos tenham receios e fiquem indecisos, eles deixam os dados rolarem e se arriscam e também não é aquele amor instantâneo, sabe? Começa com uma grande atração sexual, mas os sentimentos mais profundos são desenvolvidos aos poucos.
Ah, o que mais gostei é que o livro mostra o ponto de vista dos dois durante todo o livro! (Adoro quando o livro é assim, pois sou do tipo que pensa ”o que será que ele estaria pensando nessa cena?”, quando o livro é narrado apenas pela protagonista kkkkkk)
 
“Tão cheia. Ela estava tão cheia, os três homens…”
Bom, não deixei muitos spoilers aqui, justamente pra te deixar curiosa e ir correndo ler. Nicole Edwards conseguiu me prender e li o livro em algumas poucas horas!! Espero que gostem!!
Beijinhos!

: estarei postando depois uma lista dos livros hot onde as mocinhas não são as chatas ingênuas e submissas, pois preciso ser sincera, estou meio enjoada desse estereótipo.

Anúncios

Conta pra gente o que achou!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s