[Pipoca em Casa] – Para Sempre

Olá, hunters! Já chegou a sexta-feira e a indicação de hoje é o (lindo e fofo) filme Para Sempre (The Vow). Lançado em 2012, ele conta a história do casal Page e Leo após um grave acidente de carro que causa amnésia em Page e a faz perder cinco anos de memórias. Ela esquece do próprio marido e de todos os momentos com ele. O filme é muito romântico, preparem um lencinho!

Confira abaixo o trailer e a sinopse do filme.

Sinopse: Page (Rachel McAdams) e Leo (Channing Tatum) viviam uma linda história de amor, mas um grave acidente de carro provocou uma grande mudança em suas vidas. Afinal, mesmo estando casados, ela não consegue se recordar de nada e muito menos ter algum tipo de memória sobre o relacionamento deles. Agora, resta para Leo a missão de reconquistá-la novamente para que possam então viver o romance que sempre desejaram. Baseado em fatos reais.

O livro, de mesmo nome, foi escrito por Kim e Krickitt Carpenter e lançado no Brasil pela Editora Novo Conceito. O casal, que ficou famoso, conta sua história real, desde o momento em que se conheceram até os dias atuais, o que torna a obra biográfica. Com um cunho espiritual que não foi explorado no filme, cujo nome original é “O Voto”, fazendo alusão aos votos de casamento, Kim descreve a jornada de recuperação da saúde de ambos e do relacionamento.

Editora Novo Conceito

Sinopse: A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade.
Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a “Krickitt” com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.

Você pode adquirir o livro aqui.

Bom filme! 😉

Anúncios

[Pipoca em Casa] – Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

Hey Hunters.

Chegou a tão sonhada sexta-feira, e ainda melhor por ser véspera de feriado de carnaval. Se você não é um folião assim como eu, e está em um relacionamento sério com o Netflix, aqui vai mais uma dica de filme que foi inspirado em livros.

O filme de hoje é Os Delírio de Consumo de Becky Bloom, lançado em 2009 pela Disney (tá, eu sei que é um filme antigo, mas eu amo esse filme e morro de rir toda vez que vejo ele), onde conta a história da Rebecca Bloomwood, uma garota nova-iorquina, que tem uma leve compulsão por compras, até que esse vício a leva a falência e a grandes consequências.

Confira abaixo o trailer e a sinopse do filme.

Continuar lendo

[Pipoca em Casa] -Cidade dos Ossos e Shadowhunters

Hi Hunters!

Hoje o Pipoca em Casa traz uma indicação dupla pra você aproveitar seu final de semana na companhia dos Caçadores de Sombras! Eu sou APAIXONADA pelo mundo dos Caçadores de Sombras e não podia deixar de falar deles nessa coluna.

The-Mortal-Instruments-City-Of-Bones

A série de livros Os Instrumentos Mortais, da Cassandra Clare e lançada aqui no Brasil pela Galera Record, teve seu primeiro livro adaptado para o cinema e atualmente transformou-se numa série de TV.

O filme e a série estão disponíveis na Netflix e os livros podem ser encontrados na livraria mais próxima!

Essas são as capas lindas dos livros e a sinopse do primeiro, Cidade dos Ossos:

Série Os Instrumentos Mortais

Sinopse Cidade dos Ossos: Um mundo oculto está prestes a ser revelado… Quando Clary decide ir a Nova York se divertir numa discoteca, nunca poderia imaginar que testemunharia um assassinato – muito menos um assassinato cometido por três adolescentes cobertos por tatuagens enigmáticas e brandindo armas bizarras. Clary sabe que deve chamar a polícia, mas é difícil explicar um assassinato quando o corpo desaparece e os assassinos são invisíveis para todos, menos para ela. Tão surpresa quanto assustada, Clary aceita ouvir o que os jovens têm a dizer… Uma tribo de guerreiros secreta dedicada a libertar a terra de demônios, os Caçadores das Sombras têm uma missão em nosso mundo, e Clary pode já estar mais envolvida na história do que gostaria. Continuar lendo

[Pipoca em Casa] – Para sempre Alice

Hey Hunters!

Como hoje é sexta-feira, que tal assistir um filme com a família, namorado, amigos ou até mesmo sozinho.

Pensando nisso e conversando com uma amiga minha (que inclusive me indicou o filme de hoje), me interessei super com a história desse filme, e resolvi ir atrás de informações dele. E nessas andanças pela internet, descobri que o filme foi inspirado no livro com o mesmo nome, da autora Lisa Genova, e publicado aqui no Brasil pela Editora Nova Fronteira .

Confira abaixo o trailer e a sinopse do filme:

 

Sinopse:

A Dra. Alice Howland (Julianne Moore) é uma renomada professora de linguistica. Aos poucos, ela começa a esquecer certas palavras e se perder pelas ruas de Manhattan. Ela é diagnosticada com Alzheimer. A doença coloca em prova a a força de sua família. Enquanto a relação de Alice com o marido, John (Alec Baldwinse), fragiliza, ela e a filha caçula, Lydia (Kristen Stewart), se aproximam.

Ficou interessado, o filme está disponível no NetFlix, ou se quiser conhecer a história em maiores detalhes, pode também ler o livro e adquirir ele aqui.

para-sempre-alice-capas

 

Sinopse: Alice sempre foi uma mulher de certezas. Professora e pesquisadora bem-sucedida, não havia referência bibliográfica que não guardasse de cor. Alice sempre acreditou que poderia estar no controle, mas nada é para sempre. Perto dos cinqüenta anos, Alice Howland começa a esquecer. No início, coisas sem importância, até que ela se perde na volta para casa. Estresse, provavelmente, talvez a menopausa; nada que um médico não dê jeito. Mas não é o que acontece. Ironicamente, a professora com a memória mais afiada de Harvard é diagnosticada com um caso precoce de mal de Alzheimer, uma doença degenerativa incurável. Poucas certezas aguardam Alice. Ela terá que se reinventar a cada dia, abrir mão do controle, aprender a se deixar cuidar e conviver com uma única certeza: a de que não será mais a mesma. Enquanto tenta aprender a lidar com as dificuldades, Alice começa a enxergar a si própria, o marido, os filhos e o mundo de forma diferente. Um sorriso, a voz, o toque, a calma que a presença de alguém transmite podem devolver uma lembrança – mesmo que por instantes, e ainda que não saiba quem é.